Jura

Alberto Cohen

Pela benção de Deus, ainda te quero.
Não só pelo tempero da comida,
não só pela brancura das camisas,
não só pela limpeza desta casa,
não só pelo cuidar de nossos filhos.
Por Nossa Senhora, ainda te quero.
Não só pelo milagre com o salário,
não só pelas esperas noite afora,
não só pelo remédio pra cachaça,
não só pelo prazer fora de hora.
Pela luz que alumia, ainda te quero.
Não só pelo fingir de bem casada,
não só pelo não ter aniversário,
não só pela vida sem esperança,
não só pelo crer que ainda te quero.

 

 

.~.~.VOLTAR.~.~.