Nebulosas

AlbertoCohen

Estranhos mundos opostos
feitos de risos e lágrimas,
de um sorrir para a tristeza
e um soluçar de alegria.
Implorar que chegue a noite,
porém desejar o dia
com restos de madrugada
e a vida que se anuncia.


O antagonismo dos seres
que sonham com a alquimia
da mistura de momentos
com resquícios de poesia,
segue em retas paralelas
de diferentes verdades,
inteiros que são metades,
conflitantes confrarias.

 

 

 

.~.~.VOLTAR.~.~.