Participantes

01 - Ilze Soares
02 - Rafa
03 - Marcial Salaverry
04 - Vera Hernandez
05 - Ka Mota
06 - Ruth Sivieri
07 - Giovânia Correia
08 - Eri Paiva
09 - Hebe Silva
10 - Anibal Albuquerqu
11 - Analuz Sangiorgi
12 - Ervin R.Figueiredo
13 - Antonio Barroso(Tiago)
14 - Naida Terra
15 - Ângela Conde
16 - Clara da Costa
17 - Mª Regina Ribeiro
18 - Beki Bassan
19 - Humberto - Poeta
20 - Cecília Carvalho(Cel)
21 - Mª Thereza Neves
22 - Marlene Vieira Aragão
23 - Cássia Vicente
24 - Borbollettah Sandra Regina
25 - Beki Bassan
26 - Diana Dias

27 - Antonio Boavida Pinheiro

28 - Sueli do Espirito Santo

 

Sinto - te

No vai-vem de cada onda...
Na alvorada de cada dia...
Nos rastros perfumados que ficaram
da tua gostosa fragrância...
Na dolorida saudade da tua ausência...

Sinto-te

Nos versos da minha poesia...
No adormecer do corpo
na cama vazia...
Na tristeza e na alegria...
Sinto - te...

Ilze Soares




EU SINTO

Eu sinto em cada onda o teu sentir...
Quando sua espuma branca
vem beijar meus pés...
Triste, olho o mar, esperando
a próxima vaga que há-de vir...
E ao percorrer a praia, lés a lés
sinto na maresia a dor
do teu sentir

Eu sinto teu perfume na tinta
com que escrevo meus versos!
Nas entrelinhas, deixo apenas
umas pintas...
Para que não leias
nem sintas
a minha saudade
e meus insucessos!

Rafa




SE ASSIM ME QUERES

Marcial Salaverry



Se assim me queres,

porque preferes

não se achegar?

Se assim me amas,

porque reclamas,

e não vem comigo ficar?

Também te quero...

Vem... Te espero...

Não vês que essa distância,

me dá terrível ânsia?

Por ti, atravessaria oceanos,

venceria desenganos...

Então, querida, posso esperar,

para que possamos nos amar?

Não me faça desesperar...

Venha para me conquistar...




SINTO-TE

Vera Hernandez

Sinto-te de longe,

não importa.

O amor, muitas vezes ,

não precisa da presença material...

Amamo-nos à distância...

Sem nenhum problema...

Sem nenhuma restrição...

Sem nenhum constrangimento...

Sem lamentos...

Sem lágrimas...

Sem reclamações...

A presença física não

é essensial nem para os

olhos, nem para o físico.

O que importa é que

exista amor e que se

saiba que ele existe.

Sinto-te de longe...

Vens até mim, pelo

aroma do vento...

Pelo sabor do mar...

Pelo verde das monhanhas...

Pela brisa que toca suavemente meu

rosto e meu corpo.

Estás comigo sempre...

Hoje e pela eternidade!

Esse meu te sentir...

É loucura de mim!




Sinto-te

No ar que respiro,
Nas palavra que esvrevo.
No meu mais profundo sentimento.
Na felicidade sem medida
Na dor desmedida.
Sinto-te sempre em mim.

Poetisa Amadora (Ka Mota)




Sinto-te

Ruth Gentil Sivieri

Sinto-te fazendo-me carícia

Por Deus, acho uma delícia

Meu corpo ao teu coladinho

E em meu ouvido

Esse falar baixinho

Sinto-te dentro de mim

E as tuas mãos de cetim

Meu corpo todo afagar

Procurando meus lábios beijar

Querendo mais me apertar

Levando-me para algum lugar




Sinto-te

Giovânia Correia


Nas lágrimas que correm em minha face.
Na saudade que me invade.
No leito que ficou vazio.
Te vejo em toda parte.
Sinto-te em meus versos.
Sinto-te em minha canção.
E nos acordes que toco,
em meu amigo violão.
Sinto-te na brisa que passa.
Fria e lentamente...
Sinto-te em meu coração.
Sinto-te em minha mente.
Sinto-te em meu silêncio.
Sinto-te em cada momento.
E o que um dia foi minha calma.
Hoje se tornou um tormento.
Sinto-te e para sempre irei te sentir.
Tu foste a minha única e verdadeira paixão.
Que consagrei em meu peito.
Bem dentro do meu coração.




SINTO-TE

Eri Paiva

Sinto-te, assim tão perto,

Em tudo que vejo e faço,

Seja enquanto desperto

Ou se recebo um abraço.



Às compras ou a passeio,

Tenho a tua companhia;

Sinto tua mão na minha,

Toda a pele me arrepia.

Em nossa hora de almoço,
Com que alegria te sinto,
Pois sorrindo me ofereces
Uma taça de vinho tinto.

Sinto-te se me encontro

Em oração com meu Deus;

Junto a mim sinto a prece

Saindo dos lábios teus...



Quando a noite me chega,

Sinto-te na minha cama

E num entrelace apertado,

Sinto-te igual uma chama.



Em 14.11.2008




SINTO-TE

Sinto-te em mim
De uma forma intensa
E profunda!...
Onde quer que eu esteja...
Qualquer lugar que eu for...
Comigo você esta...
Antes eu via tristeza em meu olhar...
Hoje, nele vejo você.
Distante de mim você esta...
A sua ausência vem machucar...
A saudades me faz chorar...
Faço da poesia
Uma maneira de falar
Tudo o que sinto por você...
Amor verdadeiro
A vida inteira
Eu vou te amar!

Hebe.
14/11/2008




Sinto você

No iogurte,
esquecido na geladeira;
no xampu,
no box do banheiro;
no brinco,
na mesa de cabeceira;
no perfume,
que está no travesseiro;
na calcinha,
pendurada na torneira;
na sandália,
na chuva do terreiro;
na flor,
que murchou na jardineira;
na saudade,
que me toma o corpo inteiro;
na mala,
ausente da prateleira,
que só voltará em fevereiro.

Aníbal Albuquerque




SINTO-TE

Analuz Sangiorgi



No gorgeio dos pássaros,

na varanda,

no carinho ao digitar,

nessa fonte inesgotável,

de amor,

que me tornei...





SINTO- TE

Ervin Rijo de Figueiredo


Deitado em meu quarto,
Na falta que me fazes,
É como senti- la...
Sinto- te com os lábios,
Em meus lábios tocando
Suave como a brisa...

A emoção toma conta,
E me dá um arepio.
Parece que agora estás
Com teus lábios
A roçar em meu pelos,
Deslizando em meu corpo,
Levemente como a brisa noturna...
Vou ao êxtase, não aguento!

Te sinto sempre
Assim suave,
Como a brisa que sopra
Mansa, gostosa, calma.





Sinto...

Sinto o desespero que corre pelo mundo,
A humilhação do pobre, sem esperança,
E o sorriso que foge do rosto da criança.
Sinto o poder a controlar o pensamento
Que definha até ser um moribundo
E, de alma encolhida, procura alento
Na contemplação dum santo, numa igreja.
Sinto a prostituta vender-se pelo dinheiro
Que comprará o leite ao filho que implora
Um pouco do calor da mãe, e que a deseja
Para apertá-lo, no peito, o dia inteiro.
Sinto o pai, sem trabalho, que já chora
Por um pedaço apenas de pão duro,
Ou pela maçã podre que se deita fora.
Sinto o homem corrompido pelo poder,
Que lhe enegrece a alma, ainda mais,
Não seguir a luz, guiar-se pelo escuro,
Supondo que o auge não findará jamais.
Sinto o sem abrigo sem regeneração
Que, sem amor próprio, busca compaixão
E recusa o regresso que lhe é dado.
Sinto a lei feita por interesse pessoal
Que torna o marginal sempre mais ousado
E o rico e poderoso ladrão sem risco.
Sinto o governante que governa mal,
E na constante busca de qualquer provento,
Usar, a seu prazer, os poderes do fisco,
Para gerir valores a seu bel contento.
Sinto o mundo em convulsões, em guerra,
Que se perdeu o amor que havia à terra,
Que o auxílio, a ajuda é, hoje, letra morta
E até já não se atende quem bate à porta.
Sinto que não vejo um só rosto a sorrir,
Os caminhos estão cobertos de escolhos,
Já não sinto a luzinha brilhar nos olhos,
E até sinto que já não posso mais sentir.

António Barroso (Tiago)




SENTIR VOCÊ MAIS UMA VEZ..

Naidaterra


Sentir você mais uma vez é tudo
que eu desejo antes de você partir...
Olhar-te nos olhos e sentir este
teu sentir que me deixa ébria sem
saber o que dizer...
Ficar trêmula como fica você
quando toca as pontas dos meus dedos
e diz com toda singeleza que me deseja
mais que tudo neste mundo...
Ouvir novamente a tua voz que têm
o tom e o som que expressam
um doce amor amadurecido....
Elixir, bálsamo eterno, sôpro suave
que me excita a te querer, me envolver
na tua teia, me enroscar, ficar
e desejar não desatar...
Sentir a emoção da tua paixão quando
beija a minha boca, quando me toca
com as mãos acariciando com malícia
os meus segredos que são só teus....
Mas ai! não demora e você vai embora
e eu fico a te esperar nesta louca
paixão que faz meu corpo
se debater em febre...
Sentir você mais uma vez é tudo
o que eu quero antes de você partir....




Sinto-te...

Em cada sorriso do sol

que aquece e ilumina o dia...

No ir e vir das ondas do mar

que suavemente a areia vão beijar...

Quando ao entardecer caminho

e uma brisa me sopra como um carinho...

Na lua e nas estrelas

resplandecentes no céu...

Mas principalmente quando ouço

os acordes da nossa canção;

Nesse instante, sinto-te,

como se tu dedilhasses

o meu coração...





Angela Conde



SINTO-TE

Quando penso em você
viajo na imaginação,
sinto-te presente,
como um presente
que abranda o coração
trazendo emoção...
Sinto teus abraços
envolvendo meu corpo,
teus beijos quentes
tocando minha boca,
no meu corpo nu ,
que deseja o teu.
No silêncio, depois do amor,
o aconchego do teu abraço...
Fecho os olhos,
me sinto tão tua,
Sinto você tão meu...!

Clara da Costa




SINTO- TE

Maria Regina Moura Ribeiro
SPaulo, 6 de janeiro de 2009

Sinto - te
no alvorecer
da madrugada,
me despertando.
Gosto também
de sentir-te
ao anoitecer,
me acalentando.
Anseio pelo teu corpo
colado ao meu,
sem hora marcada,
me excitando.




SINTO

Beki Bassan

Como você, eu também te quero.
Se reclamo é porque nem sempre
tenho você junto a mim.
Sei que me queres também,
mas as vezes fica difícil
por termos derrepente interromper nosso contato.
Mas sinto-te na distância.
Conseguimos nos amar
sem problema algum.
O vento faz suas palavras chegarem,
suas mãos me tocarem,
não podemos reclamar
estamos sempre juntos
e assim continuaremos.

RJ 06.01.09




SENTIR-TE

Humberto - Poeta

Ah, meu bem, como é bisonho,

só no vídeo amar-te às cegas,

sentir o engano enfadonho

de fingir que a mim te entregas!



Desejo, em reais desvelos,

ouvir os teus ais bacantes;

desarranjar teus cabelos
como fazem os amantes!

Não me agrada o virtual
do amor somente instintivo;
pra seres minha, afinal,
preciso sentir -te ao vivo!





Sinto-te

Cel (Cecília Carvalho)


No vazio a minha volta

como se batesses a minha porta

querendo me dizer estar ali ...

Por mais que pareça absurdo

sinto-te no teu semblante mudo

que me olha e se cala ...

Sinto-te neste sorriso largado

que em tua foto ficou gravado

e em minhas lembranças também ...



Sinto - te

na saudade que doída me toca

nas lembranças de outrora

nas sombras dos passos nas maresias.



Sinto - te

como se estivesse junto a mim

mesmo tão longe os caminhos

um arco-iris liga nossos horizontes.



Maria Thereza Neves



Sinto-te...

No quê desta liberdade,

No desvario da saudade

Do que ficou atrás da idade...

Na solidão desta tarde

Nessa explosão de verdade

Dessas razões tão iguais...

Sinto-te sempre por perto

A me espreitar silente

A suspender a mentira...

Na companhia confidente

No beijo matutino

No olhar tão repentino...

Sinto-te!... Em tudo!...

Marlene Vieira Aragão

www.marlenevieiraaragao.prosaeverso.net




Sinto-te

Cássia Vicente

Sentir você é como respirar...
...uma necessidade premente
que dilata os poros
relaxa os músculos
controla as batidas do coração
e acalma...

Sentir você promete amanhãs...
...uma renovação constante de células
que combatem toda a saudade
preenchem todos os momentos distantes
revigoram a cada contato
e completam...

Sentir você nada mais é
que viver em plenitude...




SINTO VOCÊ

Sinto você mesmo de longe

como se estivesse ao meu lado

isso faz com que eu deseje

sentir você por mim apaixonado

sua presença agora urge

quero sentir você em mim entranhado.

Borbollettah Sandra Regina




SINTA- ME

Beki Bassan

Porque este desespero?
Sempre que chegas eu te sinto imediatamente.
Nosso amor vai além fronteiras.
Nós nos amamos
Existe reciprocidade entre nós.
Venha pois estou aqui te esperando.
Quero sentir seu corpo colado ao meu

RJ 25.12.08




AMOR - SINTO-TE

As vezes sinto que te tenho
Outras vezes sinto-te distanciado
Umas vezes sinto-te longe
E outras sinto-te a meu lado!
Os teus beijos são meus
Mar onde gosto de me perder
Gosto de te sentir
Sentir que para sempre te vou ter!

Sinto-te…
E não quero deixar de te sentir!
Sinto-te…
Mas as vezes sinto-te a fugir!

Em cada suspiro
E em cada pensamento
É só em ti que consigo pensar
Sinto-te cá dentro!
Minha alma chora
Chora de muita dor
Não faças sofrer
Quem por ti tem muito amor!

Sinto-te…
Por muito que esteja a sofrer!
Sinto-te…
Sinto e sei que não te quero perder!

DIANA DIAS

 

«Sinto-te ...meu amor...»

António Boavida Pinheiro

É acre e tão doce ao mesmo tampo,
É calmo e forte em mim este pulsar,
É tão extraordinário o sentimento,´
È bela a maravilha de te amar...

Sinto-te amor...em cada pensamento,
E o fogo que do peito faz brotar,
Jamais te olvidarei um só momento,
Tão grande é a felicidade de te amar...

Sonhara já contigo, tanta vez,
Chegando a admitir seres fantasia,
Tu eras musa, nuvem, ou a flor...

Mas um poder mais forte quiz e fez,
Cruzar nossos caminhos nesse dia,
E então tornou real, todo esse amor...



 

SINTO-TE NA POESIA

Sueli do Espírito Santo


Na madrugada vazia
os pensamentos loucos
chegam-me aos poucos
e em uma linda fantasia
você surge em meu verso
sinto-te e eu me inspiro
inspirada... eu só suspiro
com você no meu universo
a saudade toda se esvazia
pois sinto-te nesta poesia

 

 

 

.~.~.VOLTAR.~.~.