PARTICIPANTES

 

01 - Ilze Soares
02 - Marcial Salaverry
03 - Antonio Barroso (Tiago)
04 - Sandra Galante
05 - Humberto Poeta
06 - Celito Medeiros
07 - Isabel Passos
08 - Maria Tomasio
09 - Clara da Costa
10 - Mª Vitoria Afonso
11 - Marcos Toledo
12 - Cibele Carvalho
13 - Eri Paiva
14 - Mª Thereza Neves
15 - Luiza Benício
16 - Rute Seubert
17 - Nilza S. Rossi
18 - Mifori
19 - Marinez Stringheta/Mara Poeta
20 - Mª Olga de O. Lima
21 - Naidaterra
22 - Dely T. Damaceno
23 - W. Sanches
24 - Ninita Lucena
25 - Dany Burgueira
26 - Nyl Gar

 

 

 

Aquarela Da Vida

Ilze Soares

Numa aquarela esmaecida,
pincelo florestas de ilusões,
rios de cicatrizes doloridas,
cordilheiras de emoções...

Um oceano azul de alegrias,
gaivotas brancas do bom humor,
árvores com folhas de fantasias
e nuvens macias carregadas de amor.

O vento que passa ligeiro,
refresca minha pele escaldante,
balançando folhas do coqueiro,
revirando a banca do ambulante...

Vento que meu corpo arrebata,
inspirando desejos, versos de poesia
que falem de um amor que chega e arrasta,
abandonando a aquarela que ali jazia.

 

 

AS CORES DA AMIZADE

Marcial Salaverry

Vamos nos dar as mãos, um círculo formar,
e assim, vamos nossos corações unir...
Com sincera amizade, nossas vidas alegrar,
neste momento, e também no porvir...
Com a alma plena de amizade,
unindo nossos corações...
Amizade oferecida com sinceridade,
é um constante renovar de boas emoções...
Venha... pegue minha mão...
Simbolicamente, leve-a até seu coração...
Sinta como ele vai bater...
Mais forte... mais alegre... renovado
Deixe-o se comover...
Esqueça o passado...
Sinta sua alma plena de amor...
Esqueça qualquer dor...
Aproveitemos esta nossa amizade,
porque ela é sincera... de verdade.
"Amigos para sempre"....
Não é apenas uma frase, quando há sinceridade...
É um sentimento forte, que não pode acabar...

 

 

Aquarela da vida

Quando cheguei, peguei na tela
que jazia, no chão, abandonada,
coberta de folhas de Outono,
dispersas, ao abandono,
com muitas cores de aguarela
e pincéis caídos, a esmo.
Aventurei-me a pintar a estrada
que a poesia seguinte diz sem destino,
no centro, coloquei-me a mim mesmo
quando criança, inda pequenino,
e caminhei pela berma, alegremente,
alheio aos olhares de tanta gente.
Fiz, da estrada, uma moldura
onde coloquei minha pintura
com a minha poesia por guarida,
aproveitando as cores abandonadas
duma aguarela da vida.

António Barroso (Tiago)

 

 

Aquarela da vida...

Em minha tela, coloquei muitas cores
Desenhei lindas flores em um jardim
Pintei com doçura os meus amores
Em teus lábios, pincelei de carmim.
Carmim, cor forte e quente
Que representa a nossa paixão
Paixão forte e envolvente
Que preenche o nosso coração...
Na tela da aquarela da vida,
Procuro passar paz e tranquilidade
Vou colorindo sonhos e fantasias
Matizo palavras de cores variadas...

Sandra Galante.

 

 

Resgate das Cores

Humberto Rodrigues Neto

Aquarelas do amor há que descoram
se expostas a um desejo insatisfeito.
Se presas a um anseio contrafeito,
em vez de rir todas as tintas choram!

Janelas fecham-se e jardins desfloram,
vazios de flores no deserto leito,
qual se chorassem o ideal desfeito
em findas ilusões que se evaporam!

Talvez por força de fatais adágios
jamais os tons da cor e da emoção
conservam para sempre iguais estágios.

O sol de um sim reverte a situação:
ordena lave a chuva os maus presságios,
e em riso e cores ri-se o coração!

 

 

A vida em cores e poesias

Celito Medeiros

Na vida real eu tenho procurado
Dos traços do pincel o meu ninho
As estrofes na poesia de um lado
Estou encontrando meu caminho
Nestas mãos já calejadas o brilho
Do movimento criado uma razão
As cores estão sendo meu gatilho
Para disparar toda minha emoção
Toda a inspiração gravada ali fica
Marcando o que na tela não podia
Pela literatura está sendo boa dica
Serpenteando traços como cobra
Nas artes da pintura ou na poesia
Somando com todos a minha obra

 

 

AQUARELA DA VIDA

Isabel Passos

Lisboa/Portugal

Com uma paleta de cores vou pintando a minha vida:
Uns dias pinto de negro sinónimo das minhas dores;
Outros, de vermelho fogo, a cor dos meus amores,
da paixão que incendeia o coração...
Sempre que pinto de azul fico a sonhar
que deambulo pelo Céu, e vou te encontrar
naquela estrela especial, a mais brilhante.
E com meu sonho azul fico radiante:
Nos mais belos tons do amor, juntos estamos a voar,
e verdejando nos encaminhamos para o mar
grandioso, magnificente, ora calmo, ora agitado.
Com o branco da Paz nele mergulhamos com cuidado,
maravilhados com a cor amarela alaranjada,
pela incandescente luz do sol projetada
no mar exultante, dando a tonalidade,
o colorido do arco iris que tem no final a felicidade...

 

 

AQUARELA DA MINHA VIDA

Maria Tomasia


Minha vida é uma aquarela
com cores variadas e belas.
Todas são bem misturadas,
mas, as cinzentas evitadas.

Quase sempre, é colorida
porque sou sempre querida.
Sou amada e estimada
e, por Deus, abençoada.

Vivo a paz de um remanso;
nas amizades, encontro descanso.
Amo as flores e a natureza;
na vida, só vejo beleza.

Quando alguma coisa acontece,
lembro que sou poetisa
- lindos versos procuro compor
e tudo volta a ser um primor.

 

 

AQUARELA DA VIDA

Clara da Costa

A vida é uma tela em branco...
Frente a essa tela,
vamos colori-la com as cores que desejamos.
dia após dia.

Se a pintarmos com coisas negativas,
vamos receber o negativo,
nosso olhar será sombrio,
nosso coração escurecerá.

Mas se a pintarmos com as cores
do amor, da amizade, da fraternidade,
atrairemos para nós,
sentimentos postivos.

Nossa mudança interior,atrairá bons fluídos;
a aquarela da paz deverá ser nossa meta diária
frente à tela da vida.
A escolha é nossa!

Pipa/RN
11.04.09

 

 

Aguarela da Vida

Múltiplos tons. Da vida a aguarela
Tem por vezes o rubro das papoilas
Quando, Deus nosso pai, em sentinela
Nos dá a jovialidade das moçoilas
Mas ai de nós se os tons empalidecem
De nossos sonhos se vai o ideal
Como folhas de Outono, eles fenecem
Resta à vida ,a rotina, o trivial
Aguarela da vida. Segue-a com coragem
E não deixes que fique em vã miragem
Reforça-lhe os tons, com alegria.
E se vires que a podes denegrir
Luta bem por ela, põe-te a sorrir
A impregnarás de pura magia.

Maria Vitória Afonso

 

 

AQUARELA

Pintei minha vida com minhas cores;
cores alegres e fortes.
Deixei, para trás, as cores neutras,
pisei forte nas escuras,
sorri para a aquarela,
e levantei a branca, da paz.

amém
Marcos Toledo

 

 

AQUARELA DA MINHA VIDA

Cibele Carvalho

Na aquarela da vida,
eu capricho, bem, nas cores,
pinto-a com meus amores,
faço-a colorida.
Se, por acaso, a tristeza
quer toldar seu colorido,
fixo-me na beleza
que a vida traz consigo.
E, assim, minha aquarela
reflete, na sua tela,
somente o encantamento
de quem faz da sua vida
um terno e feliz momento.

 

 

AQUARELA DA VIDA

Eri Paiva

Ah! A vida, esta imensa passarela,
É sempre um misto de melodia e cores!
Vou pintá-la, em tons de aquarela!
Pintar a vida e todos os seus amores!...

Em belíssimas alternâncias de verde,
Pinto a exuberância da floresta...
Neste matizado cenário quero ter-te
E amar-te ao som da mais linda seresta.

O amor e todos os amores vou pintar
Em tons pastéis de vermelho e rosa;
Vou telar p'ra ti, emoldurar e assinar
Com um recado de amor em verso e prosa.

Os ecos alegres e expressões de felicidade
De intenso amarelo-ouro eu vou colorir;
Vou borrifar gotas perfumadas à vontade
E lá nascerão as flores que regarei p'ra ti.

Em um lindo ocaso, num céu cinza e lilás
Pintarei todas as estrelas na cor prateada!
No calor dos teus braços qual mulher amada
Em tinta transparente, vou dormir, em paz!!!

Em 25.09.2008

 

 

Aquarelas

O vento me levava arrebatado
pelo espaço das estrelas
que aguardavam manhãs.
Minhas aquarelas em ciclos calados
esperavam um novo soneto acontecer
com versos colorindo eu e você!

Maria Thereza Neves

 

 

AQUARELA DA VIDA

Luíza Benício

Pintar a vida com belas cores é o sonho de todos
Viver pintando como as crianças
Descobrindo cores e figuras...
Imaginando por vez uma estória,
Um fato novo,
Uma aventura!

Eu devia ter aprendido a pintar...
Hoje, há mais facilidade neste afim.
Há mais variedade de tintas,
Tipos de lápis, canetas coloridas,
Tudo levando à criança a criar!
Pequenas, já conseguem
Fazer maravilhas!

A poesia é uma maneira de pintar a Vida também!
Usamos cores alegres, quando pintamos alegrias...
Neutras, se não forem tão importantes...
Mesclamos tintas com cantos alegres,
Escurecidas se o assunto é triste...
O branco é mais difícil ser representado em papel
A não ser que seja com tinta, ou papel especial!

Poemas há que são lindas aquarelas!
Ouve-se até um pássaro cantar
O vento assoviar... O mar rugitar
O céu estrondar!
E na serenidade do luar
Até música se pode representar...
E, com uma linda formatação
A completar!

 

 

Aquarela Da Vida

Rute Seubert

Nesta aquarela da vida tento
Pincelar o amor que Vivi.
Os frutos que dele colhi.
Uns com sabor muito doce
Outros muito amargos.
Mas os que consegui colher
hoje me trazem toda a doçura
Que uma aquarela pode expressar.
Tem o doce do amor puro.
Do amor inocente
Daquele amor que gente sente
no fundo do coração
Sem nenhuma ilusão.
Hoje nesta aquarela, posso sentir
a mistura de sabores, cheiros e
cores que eu mesma pincelei.

 

 


Aquarela Da Vida

Nilza Stringhetta Rossi

As cores do arco-íris
Enfeitam o céu
Numa aquarela refletida
Logo a sair o sol
Para agradecer a vida

A chuva se vai de mansinho
O sol esquenta os ninhos
A vida é mais vida depois da chuva

Nas aquarelas do universo
Em verso ou em prosa
Tintas nas mãos do pintor
Vai-se pintando o tempo
Pétalas de flor

Aquarela da vida colorida
Tela Divertida
Tira o cinza do pedaço
Embaraço

Vai colorindo sem pressa
Num vagar sempre constante
Errante
O sol em seus raios
Beleza
Vai pintando a natureza

Botucatu 18/10/2010
22h 25min.
Segunda feira

 

 

AQUARELA DA VIDA

Mifori

Ao ver aquela aquarela
tua voz emudeceu.
Na pintura da donzela,
teu segredo apareceu.

Tua voz emudeceu
diante de tal pintura.
Teu segredo apareceu
em meio a tanta agastura.

Diante de tal pintura
relembrando bons momentos,
em meio a tanta agastura,
expôs-se seus sentimentos.

Relembrando bons momentos
veio à tona o amor por ela,
expôs-se seus sentimentos,
ao ver aquela aquarela.


(SJC: 18/10/2010)

 

 

Aquarela

Estou nessa aquarela
Sou Cinderela
A vida colorida
Com olhos de águia
Procuro... Admiro
Trago pra dentro de mim
O azul, verde, amarelo,
Vermelho
O rosa das rosas
Capto em fotografias
Cada detalhe
Sombra... Nuance
Não perco nenhum lance
Olhar minucioso
Confete...
Na aquarela da vida.

Marinez Stringheta/Mara poeta

Botucatu, 19/10/2010
Terça-feira – 23horas

 

 


Aquarela da Vida

Maria Olga de Oliveira Lima

No ninho
Ou em liberdade,
O passarinho.

Nas praças e ruas,
O passeio descontraído
Com o amigo.

Ao lado de nossa casa
O Bom Samaritano,
Verdadeiro Amigo.

Nosso companheiro
Mesma carne
O cônjuge, o marido.

Sob nosso teto
Os filhos.

Em nossas preces:
Deus Pai,
Deus Filho,
Deus Espírito.

Na vida em união
Comunhão de irmãos.
Para todos, o pão.

Numa só tela
Pintada em aquarela,
Mil cores reunidas.

Família de Deus
Eternamente...
UNIDA!!...

 

 

AQUARELA

A vida é uma dádiva,
o céu é a minha tela,
nas mãos uma aquarela
cores que me mantém viva...

Naidaterra

 

 


AQUARELA DA VIDA

DelyThadeu Damaceno

Em minha vida sempre há muita cores
Cores de momentos refletidas em meu ser
Cores matizadas de vida,de amores
Sonhos coloridos/De pretensões despidos
Inundados de ilusões sadias/Alegrias...
Encontrei num grande amor apoio
Entreguei meu sonhar,minhas palhetas
Deixei-as carregar as colorações diversas
Em minha alma estão dispersas/Firmes
De tanto amor ,inundadas/Submersas
Neste meu colorido amar/Viver este amor

Piracicaba-SãoPaulo

 

 

Aquarela da Vida

Na Aquarela da vida
Uma pincelada de Paixão
Cores da alegria,
Uma pintura feita canção

Sanches,W.

 

 

MATIZES DO AMOR

Ninita Lucena

Quando se pensa em amor
Eclode logo a cor vermelha
E a forma de um coração.
Mas será que o amor
Tem uma única forma e cor?
Se ele tem diversas formas
Em todas as suas centelhas
Podemos, assim, dizer:
O vermelho é a paixão
Tão forte como um vulcão,
Amor erótico é a pulsão
Que representa o excesso,
O que não é racional
E possui um objeto
Fruto do desejo irreal.
O amor interpessoal
É um amor universal
Entre os seres humanos
Que vivem se ajudando
E assim se comunicando.
Amor Pragma, é visionário,
Prioriza o lado prático
Vivendo no seu calendário
A importância do retorno,
E se esse não vem
Tira o seu time também.
Amor Philia é dedicação
Ao outro em primeiro lugar,
Até anulando o próprio ser,
Pelo outro, para ver
A Vitória acontecer...
Storge é a amizade
Que busca a confiança
Mútua, projetos compartilhados.
Nesse, a atração física,
Quase sempre se perde de vista.
Mas há o amor platônico
Popularmente chamado,
Que não representa o recado
Que Platão nos tenha dado
De um amor sublimado.
Bom mesmo é o amor romântico
Onde o sentimento aflora
Na fantasia, dando tratos a bola,
Unindo erotismo e romantismo
Em um tempero sem igual.
Em Português fazer amor;
Em Inglês make love;
Em Espanhol hacer el amor;
Em Francês faire l"amour
Sendo assim universal
Esta palavra sem igual

 

 

Aquarela da Vida

Cada dia tem uma cor diferente.
São claros, os de paz e alegria,
pelo sol iluminados,
mesmo que la fora caia tempestade.
São negros, os de tristeza e melancolia
e nenhum raio de luz clareia,
mesmo que o sol esteja fulgurante!
Os dias de dor e decepção
têm o vermelho da fúria,
depois passam para o marrom da mágoa...
E assim a aquarela da vida
vai dando o tom
conforme o estado do nosso coração.

Dany Burgueira

 

 


Aquarela da Vida

Os olhos nada viam...
Os ouvidos não escutavam...
A boca só murmurava.
De repente, você chegou!...
Coloriu o meu mundo com a aquarela do amor...
Em instantes deu vida a mulher que hoje sou!
Transformada e feliz caminho, envolvida pela LUZ!
Em tons suaves e brilhantes, seu amor me recriou!

*NYL GAR*
29/11/2010
17:45 hs

 

 

 

 

Adaptado por Mara Pontes

 

Selo participação

 

.~.~.VOLTAR.~.~.