MÃE TERRA

Ilze Soares

Mãe terra, de cujo ventre brotam sonhos,
água límpida, corrente, e todas as sementes...
Em teu seio geras vidas!
Terra de tantos encantos, de lugares e seres fascinantes,
tambem gera filhos cruéis com os próprios semelhantes!
Terra de paisagens exuberantes, de animais maravilhosos...
Por que não podemos ser todos amistosos?
Terra de tantas calamidades provocadas pela gente...
Terra encharcada de sangues inocentes!
Até quando aguentarás a nossa agressividade?
O que deixaremos de ti para os que virão?
O que restará deste chão?
Um planeta destroçado ou ainda capaz de gerar a semente
da vida, do fruto e da flor, onde poderemos viver em fraternidade?
Aqui nasci, aqui morrerei.
Em teu solo, meu corpo estará permanentemente.

Mãe terra, eu te amo e sempre amarei!
 

 

 

 

 

 

 

 

 .~.~.VOLTAR.~.~.