O Poeta e a Inspiração
 
Ilze Soares
 
O pensamento ferve de emoção,
palavras saem aos borbotões!
É preciso colocar no papel
o que fervilha no coração
É assim que nasce uma poesia,
que se escreve com tanto carinho
Quando chega a inspiração,
não temos como segurar a mão!
Os dedos ficam inquietos...
As palavras fluem,
escorrem rapidamente...
Ah, quando a inspiração não vem,
por mais que tentemos,
nada sai como queremos.
Assim é o poeta,
que precisa da inspiração
para compor a canção da alma
 

Publicado no Recanto das Letras em 26/07/2009
Código do texto: T1719985
 
 
 
 
 
 
 
Tube trevi-mistedbyazyzam
FallingLeaves